Confira tudo sobre empréstimo pessoal para negativado

Home > Tudo sobre crédito > Confira tudo sobre empréstimo pessoal para negativado

Apesar de ser mais difícil, é possível solicitar empréstimos pessoais mesmo que seu nome esteja nos cadastros de proteção ao crédito; veja como

Muitas pessoas que estão com o nome sujo se perguntam se existem empréstimos para negativados e o que elas precisam fazer para conseguir esse tipo de crédito.

A verdade é que, apesar de ser mais difícil, é possível solicitar empréstimos mesmo que seu nome esteja nos cadastros de proteção ao crédito, como o SPC e Serasa.

Para saber como realizar esse tipo de operação, leia o artigo que preparamos até o final.

O que é empréstimo pessoal para negativado 

O empréstimo pessoal para negativado funciona como qualquer outro tipo de empréstimo. A diferença é que ele é disponibilizado para aquelas pessoas que possuem alguma restrição no CPF.

Neste caso, como a chance de inadimplência é mais alta, não são todas as instituições que liberam esse tipo de crédito, e aquelas que liberam podem cobrar juros mais altos.

Como funciona o empréstimo para negativado?

Os critérios para liberar um empréstimo sempre são da empresa que vai disponibilizar o crédito.  Existem instituições especializadas em liberar empréstimos para quem está com o CPF negativado.

Mas, fique atento: normalmente, elas cobram uma taxa de juros bem maior por conta do risco de inadimplência.

Existem instituições especializadas em liberar empréstimos para quem está com o CPF negativado. (Unsplash/Alexander Mils)

Empréstimo para assalariados

Quem é assalariado no regime CLT costuma ter mais facilidade para comprovar a renda, já que possui carteira assinada e um salário fixo todos os meses.

Isso pode facilitar, pois o banco quer garantias de que o cliente vai pagar o empréstimo e se ele não tiver como comprovar renda isso fica bem mais difícil.

Se o assalariado estiver com o nome negativado, ele poderá pedir o empréstimo, mas as chances serão menores se ele fizer a solicitação nos grandes bancos.

O ideal é fazer o pedido em instituições que costumam liberar crédito para quem está com nome sujo, pois a possibilidade de ser aceito é bem maior.

Empréstimo para pessoas físicas

Como falamos anteriormente, as pessoas físicas com nome sujo podem pedir empréstimo, mas as chances de conseguir ter o pedido aprovado são menores.

Afinal de contas, a possibilidade daquela pessoa não realizar o pagamento é maior e o banco procura evitar esse tipo de prejuízo.

Se a pessoa tiver como comprovar renda e fizer a solicitação em instituições especializadas em negativados, a chance de conseguir o crédito aumenta.

Empréstimo para pessoas jurídicas 

As pessoas jurídicas têm acessos a linhas de empréstimo diferentes das pessoas físicas, pois isso depende do tipo e do tamanho da empresa.

É necessário verificar com a instituição bancária as linhas de empréstimo para PJ que ela oferece e quais são as condições disponibilizadas.

MEIs

Assim como os assalariados que possuem carteira assinada, quem trabalha como MEI (microempreendedor individual) também pode solicitar empréstimos, mas será necessário apresentar comprovação da renda de outra forma.

Para isso, normalmente é utilizado o extrato bancário ou o Imposto de Renda. A instituição também poderá solicitar algum outro tipo de comprovante, por isso 

Autônomos e profissionais liberais

Os autônomos e profissionais liberais precisam ter documentos que comprovem a renda para conseguirem solicitar empréstimos, mesmo que seu nome esteja negativado.

Normalmente, as instituições solicitam um documento chamado pró-labore, que comprova a renda do profissional autônomo.

Em alguns casos, o extrato de movimentação bancária ou a declaração de Imposto de Renda também podem ser usados para comprovar renda, mas isso vai depender dos critérios de cada banco.

Online e 24 horas por dia

Existem algumas empresas e fintechs que disponibilizam empréstimos online, sem a necessidade do cliente de ir em uma loja ou agência física para fazer a solicitação.

Existem empresas e fintechs que disponibilizam empréstimos online (Unsplash/Bench Accounting)

Neste caso, é necessário enviar todos os documentos e preencher o cadastro online, para que a instituição consiga fazer a avaliação de crédito e liberar os valores.

Se o seu nome estiver negativado, a aprovação será mais difícil, mas isso depende de cada banco.

No entanto, é preciso ficar muito atento e tomar cuidado com golpes e fraudes. Existem inúmeros casos de pessoas que tentaram pedir um empréstimo online e foram enganadas por quadrilhas especializadas nesse tipo de operação.

Por isso, antes de solicitar um empréstimo online, procure obter o máximo de informações sobre a empresa e tenha certeza de que está em um site seguro e confiável.

Além disso, nunca envie nenhum tipo de pagamento ou adiantamento de valor para conseguir um empréstimo. Se alguém pedir que você faça isso, pode ter certeza de que é golpe!

Como pegar empréstimo com nome sujo?

Para pegar empréstimo com nome sujo, procure instituições menores, como financeiras ou fintechs.

Essas empresas costumam ter critérios mais flexíveis para a liberação de empréstimos e, portanto, pode ser mais fácil conseguir crédito através delas.

Já os bancos maiores são mais conservadores e tentam evitar ao máximo a inadimplência dos seus clientes.

Por isso, é mais difícil ter empréstimo aprovado neles se seu score for baixo ou se seu CPF estiver nos órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa.

Ao mesmo tempo, boa parte das empresas que disponibilizam empréstimos para quem está negativado cobra juros altos. Então tenha cuidado para não se endividar ainda mais.

O empréstimo para PJ do alt.bank é confiável?

O empréstimo para Pessoa Jurídica (PJ) do alt.bank é totalmente confiável. Somos uma instituição cadastrada no Banco Central e que segue todas as normas do Sistema Financeiro Nacional (SFN).

Portanto, você pode ficar tranquilo em relação a todos os produtos que oferecemos, inclusive o empréstimo para PJ que em breve será disponibilizado e que vai oferecer condições muito vantajosas para pequenos empreendedores e MEIs.

Conclusão

Quem está com o nome negativado deve tentar se organizar para sair o quanto antes dessa situação, pois ela traz uma série de empecilhos financeiros.

O crédito pessoal poderá ser uma opção para que você consiga um fôlego nas suas finanças e quitar algumas dívidas e para amenizar a situação.

Mas fique atento e tome muito cuidado com golpes. Procure instituições sérias e confiáveis e nunca faça nenhum pagamento antecipado.

Por fim, fique atento à taxa de juros, que poderá ser bem salgada dependendo da instituição onde você solicitar o empréstimo.

Equipe alt.bank

Nosso time de especialistas está focado em criar conteúdos relevantes para te ajudar a ter mais autonomia financeira e promover um sistema financeiro mais justo no Brasil.

Deixe um comentário